Histórias do Bem e do Mal.

Não sei onde estava com a cabeça quando propus à Cultura Editora escrever cinco contos inspirados em A Morte do Papa.

— Estás a desperdiçar títulos — disse o meu editor, desesperado, enquanto levava as mãos à cabeça.

Acabara de lhe apresentar a minha ideia para O Assassino na Noite. E, logo a seguir, fiz o mesmo com O Beijo do Escorpião.

Eu não sou um escritor de contos. Preciso do espaço para desenvolver uma história, as personagens, que só um livro proporciona. Mas, neste caso, em que estas pequenas histórias foram escritas depois do livro, tudo se tornou mais fácil. A história, as personagens, não tinham de ser apresentadas, ou especialmente desenvolvidas. Elas já existiam no livro original. Os contos seriam apenas um pequeno bónus, um presente, a cereja no topo do bolo, a pequena participação especial das personagens secundárias que, aqui, tinham o seu momento enquanto protagonistas.

A escolha dos títulos e o enredo acabaram por surgir durante a redação de A Morte do Papa. Inicialmente, tive a ideia de concluir cada uma das três grandes partes do livro com um conto, como se fosse um capítulo de um dos livros de Adam Immanuel, o escritor misterioso que surge neste novo livro. Mas, por motivos que nunca consegui explicar bem, acabei sempre por adiá-los, por seguir para mais um capítulo, deixando-os ficar para trás, para mais tarde escrever, até ter deixado de fazer sentido.

Passou a fazê-lo depois. Enterrado que estava o meu Papa, poderia dedicar-me a ser outra pessoa, outro escritor. E foi divertido!

Considero que os cinco contos que fazem parte desta compilação são todos diferentes, sendo Dor, o primeiro dos três livros secretos que escrevi com o meu Adam Immanuel, o que mais se destoa, por cair fora de tudo o que já alguma vez escrevi. Não vou dizer-vos qual é o meu preferido. Curiosamente, entre o staff da editora, todos tinham um conto preferido dos outros. Mas digo-vos aquele que, na minha opinião, é o que mais se aproxima do meu género habitual. Quem já os leu, há de reconhecer-me bem em O Assassino na Noite.

Esta entrada não foi escrita para explicar cada um dos cinco contos. É, sim, um convite a conhecerem um Nuno bastante diferente.

Quem estiver interessado, os contos Dor, Ira, Raiva, O Assassino na Noite e O Beijo do Escorpião estão apenas disponíveis em ebook, em plataformas como a Kobo, Amazon, Apple, Bertrand e Wook. Caso prefiram poupar algum dinheiro, a compilação, As Histórias do Bem e do Mal, torna-se significativamente mais barata. Boa leitura!

          

Adicionar Comentário

O seu email não vai ser publicado. Os campos necessários estão marcados com *